Guitar Rage Connect
Bem-vindo ao Fórum Guitar Rage Connect

Para poder utilizar todos os atributos deste fórum, será necessário que você crie uma conta de usuário. O cadastro é gratuito e leva pouco tempo para ser preenchido. Durante o cadastro, será requerida uma conta de e-mail válida. Isto é importante porque será necessária a validação do seu cadastro via e-mail.
Assim que se registrar, Poste em nossos tópicos, você será bem atendido.

Registre-se e participe!

Atenciosamente!

Joy Division(1976 - 1980

Ir em baixo

Joy Division(1976 - 1980

Mensagem por Nirvana em 2/3/2010, 22:27

Joy Division foi uma banda pós-punk formada no ano de 1976, em Manchester, Inglaterra. A banda acabou em 18 de Maio de 1980 após o suicídio do vocalista e guitarrista, Ian Curtis. A banda também tinha como integrantes Bernard Sumner (guitarrista e tecladista), Peter Hook (baixista e vocalista) e Stephen Morris (percursionista e baterista). Após o termino da banda, os três integrantes remanescentes formaram New Order.
Com uma forte influência na cultura punk de 1977 misturado com conceitos artísticos, Joy Divison foi uma banda que misturava o rock underground com algumas nuances de experimentalismo e inovações eletrônicas, inspirado por bandas como o Kraftwerk.
Seu som tinha influências de Velvet Underground, David Bowie, Sex Pistols e Iggy Pop. Era caracterizado por densas melodias, bastante marcadas pela bateria quase "militar" de Stephen Morris, e uma tendência para a depressão e a claustrofobia. As letras obscuras e extremamente poéticas se tornaram uma característica marcante do grupo.


História

Tudo começou quando Ian Curtis conheceu os restantes membros da banda num concerto de Sex Pistols a 4 de Junho de 1976. O primeiro nome da banda era Warsaw, inspirado numa música de David Bowie "Warszawa". A banda Warsaw teve o seu primeiro concerto a 29 de Maio de 1977 como banda suporte de Buzzcocks e Penetration no Electric Circus. Já existindo uma banda chamada Warsaw Pakt, decidiram mudar o nome da banda para Joy Division nos finais de 1977, Joy Division era o nome de uma casa de prostituição de uma série chamada The House Of Dolls (1965).
O seu primeiro trabalho de estúdio, já com o nome Joy Division escolhido como o definitivo foi o EP An Ideal For Living (1978), que ainda tinha forte influência do movimento punk. Após entrarem para a editora independente Factory, foi contratado o produtor Martin "Zero" Hannett, que conduziu a gravação do seus dois álbuns de estúdio e influenciou a sonoridade da banda ao introduzir efeitos electrónicos nas músicas. Em princípio o resultado desagradou Bernard e Peter, que preferiam um estilo mais punk; mas teve o respaldo de Curtis. As invenções de Hannett deram certo, e logo toda a banda passou a flertar com a sonoridade electrónica. Em consequência, os Joy Division são tidos até hoje como referência pioneira ao som new wave da primeira metade dos anos 80.
Após as músicas Digital e Glass terem sido lançadas numa colectânea da editora da banda, veio o primeiro álbum da banda, Unknown Pleasures (1979). O disco causou grande alvoroço entre o público e a crítica, devido à sua sonoridade soturna e às letras intimistas. Destaque para as faixas She's Lost Control, Shadowplay, Disorder e New Dawn Fades. Ainda em 1979, eles lançaram seu o primeiro single, Transmission, relativamente famoso em razão da performance que a banda fez em um programa de TV da BBC2.
No ano seguinte, o quadro clínico de Ian piorou, com o agravamento de sua epilepsia e dos problemas conjugais. Ainda assim, Joy Division pôde gravar, em Março, o álbum Closer. No final de Abril, foi lançado o flexi disc de Komakino / Incubation e também o compacto 7" de Love Will Tear Us Apart, que viria a ser a música mais conhecida do conjunto, permanecendo ainda hoje com o fulgor e a excitação que provocou outrora.
Ian Curtis cometeu suicídio em 18 de maio de 1980, um dia antes da viagem do Joy Division para os Estados Unidos, onde fariam sua primeira turnê internacional. Devido a problemas na tiragem, Closer tornou-se um álbum póstumo, só sendo lançado em julho. Neste LP, eles se superaram, com composições que viriam a influenciar todo o post-punk na década de 80. Os temas mais elogiados foram Isolation, Passover, Heart And Soul e Twenty Four Hours. Aliás, o disco conseguiu chegar ao 6º lugar dos tops ingleses e liderou as paradas alternativas.
Em setembro de 1980, a começar pelos single Atmosphere / She's Lost Control (sendo esta refeita, com uma levada mais dançante), vieram os lançamentos póstumos. No ano seguinte, veio o duplo Still, com várias sobras de estúdio e o registro do último concerto do Joy Division. Substance (1988) é uma coletânea de singles e lados B. Permanent, editado sete anos depois, compilou 15 clássicos, mais uma regravação de Love Will Tear Us Apart. Heart And Soul é uma caixa com 4 CD's, que reúnem praticamente tudo que eles gravaram.
Os outros membros da banda formaram os New Order alguns meses depois do suicidio do vocalista Ian Curtis.
A influência do quarteto no rock mundial permanece, como provam bandas como Editors, Plus Ultra, Interpol e Franz Ferdinand, She Wants Revenge, The Killers (que inclusive têm Shadowplay como faixa do album Sawdust), além de serem grandes ídolos de outros artistas, como Trent Reznor, o homem Nine Inch Nails, Thom Yorke do Radiohead, Billy Corgan dos Smashing Pumpkins e no Brasil o Renato Russo do Legião Urbana.
[editar]Origem dos nomes
Stiff Kittens
Este nome foi sugerido a Ian Curtis por Richard Boon, empresário dos Buzzcocks, mas a banda o odiou justamente por soar como o nome de um conjunto punk qualquer. À revelia dos integrantes da banda, os membros dos Buzzcocks puseram o nome Stiff Kittens nos cartazes e nos flyers que anunciavam o concerto que fariam juntos no dia 29 de Maio de 1977 e, por essa razão, muitas pessoas acreditam que esta demoninação foi utilizada nessa única ocasião, o que não é verdade. Quando subiram ao palco, o grupo se apresentou à platéia como Warsaw. Portanto, é falsa a afirmação de que algum dia fizeram uso do nome Stiff Kittens.
Warsaw
A banda foi inspirada pela música Warszsawa, do álbum Low de David Bowie, em português significa Varsóvia (capital da Polónia). Porém uma banda londrina, Warsaw Pakt lançou o seu primeiro álbum em Novembro de 1977, então eles decidiram mudar de nome para evitar alguma confusão.
Joy Division
Em Dezembro de 1977 eles decidiram o seu nome definitivo. O nome veio do livro "House of Dolls", de Karol Cetinsky. Nesse livro Joy Division (Divisão da Alegria) é o nome dado para a área onde as mulheres judias são mantida prisioneiras e "oferecidas" sexualmente aos oficias nazistas.
[editar]Membros

[editar]Principais
Ian Curtis − Vocal, Guitarra (meio de 1976 - Maio 1980)
Bernard Sumner − Guitarra, teclado (meio de 1976 - Maio 1980)
Peter Hook − Baixo (meio de 1976 - Maio 1980)
Stephen Morris − Bateria (Agosto 1977 - Maio 1980)
[editar]Ex-membros
Terry Mason − Bateria (meio de 1976 - Maio 1977)
Tony Tabac − Bateria (Maio - Junho 1977)
Steve Brotherdale − Bateria (Junho - Agosto 1977)
[editar]Influências musicais

Kraftwerk
David Bowie
Iggy Pop
Blue Cheer
Public Image Limited
Lou Reed
The Doors
Rolling Stones
The Stooges
The Who
Sex Pistols
Velvet Underground
Led Zeppelin
[editar]Discografia

[editar]Compactos
An Ideal For Living (7") - 1978
An Ideal For Living (12") - 1978
Transmission (7") - 1979
Licht und Blindheit (7") - 1980
Komakino (7") - 1980
Love Will Tear Us Apart (7") - 1980
She's Lost Control / Atmosphere (12") - 1980
Love Will Tear Us Apart (12") - 1980
Transmission (12") - 1980
The First Peel Session (12"/CD) - 1986
The Second Peel Session (12"/CD) - 1987
Atmosphere (7"/12"/CD) - 1988
Love Will Tear Us Apart (12"/CD) - 1995
[editar]Álbuns de estúdio
Unknown Pleasures - 1979
Closer - 1980
[editar]Álbuns ao vivo
Preston 28 February 1980 - 1999
Les Bains Douches 1979 - 2001
Fractured Box Set - 2001
Re-Fractured Box Set - 2003
Let The Movie Begin - 2005
[editar]Sessões de rádio
Peel Sessions - 1990
The Complete BBC Recordings - 2000
Before and After / The BBC Sessions - 2002
[editar]Compilações
Still (Joy Division) - 1981
Substance (Joy Division) - 1988
Permanenent - 1995
Warsaw - 1995
Heart And Soul - 1997
[editar]Compilações extras
Short Circuit (10"/12"/CD) - 1978 - "At a Later Date"
A Factory Sample (7") - 1979 - "Digital"; "Glass"
Earcom 2: Contradiction (12") - 1979 - "Autosuggestion"; "From Safety to Where...?"
[editar]Outros

24 Hour Party People - Filme sobre a Factory Records, possui muitas cenas sobre os Joy Division
Curtis, Deborah. Touching From a Distance: Ian Curtis and Joy Division - Lançado oficialmente em 1995, possui uma versão em português de Portugal chamada Carícias Distantes, em 2009 o filme foi lançado em DVD no Brasil
"House of Dolls", livro que inspirou o nome Joy Division
Control - Filme baseado no livro de Deborah contando a vida de Ian do Joy Division. Foi lançado em 2007.
Joy Division - Documentário realizado por Grant Gee [2007, 93'], com entrevistas aos membros da banda.


Tirei da Wikipédia


avatar
Nirvana
Moderador
Moderador

Mensagens : 113
Data de inscrição : 01/11/2009
Idade : 24
Localização : Debaixo da ponte

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Joy Division(1976 - 1980

Mensagem por Rafael_Guitar em 4/3/2010, 19:29

^^, nice historia!!!
avatar
Rafael_Guitar
Usuário Medium
Usuário Medium

Mensagens : 52
Data de inscrição : 02/03/2010
Localização : Bem Ali, mas não tão perto...

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum